7

Modotti: Uma mulher do século XX

IMG_20200509_160748087_HDR

Uma história de Tina Modotti já despertaria interesse e fascinação em qualquer contexto, já que se trata de uma personagem envolta em mistério e especulações, mas o espanhol Ángel de la Calle encarna uma obsessão por sua biografada quase tão intrigante quanto a própria história. De imigrante italiana, atriz de Hollywood, fotografa talentosa até militante fiel ao comunismo, Modotti conviveu com a Cidade do México efervescente de Diego Riviera, Frida Kahlo, Davi Siqueiros, que atraia gente como Maiakóvski e discutia política e arte com o mesmo nível de paixão. Ángel de la Calle, enquanto autor personagem, segue os passos e os mistérios de Tina em busca de respostas que geram ainda mais perguntas e culminam em um dos meus finais de quadrinho favorito de todos os tempos. É uma viagem para lugares, para um tempo, mas principalmente, para a reconstituição de um quebra-cabeça cheio de peças irregulares.

 


 

MODOTTI – UMA MULHER DO SÉCULO XX: Ángel de la Calle – Editora Conrad – 2005

 


 

A viagem segue: Memórias do Vietnã