Especial 5 a seco / Música / Questão de Opinião

Especial 5 a Seco: Projetos individuais

* Por Meiri Farias

Dando continuidade ao “Especial 5 a Seco”, falaremos hoje sobre a carreira individual de cada um dos meninos. Quem conhece, sabe: São as particularidades de cada um que tornam o resultado final tão único e original. A diversidade de referências influencia diretamente no que ouvimos. De forma especial no “DVD 5 a Seco – Ao Vivo no Auditório Ibirapuera”, percebemos como músicas completamente diferentes dialogam entre si.

Lembrando sempre que o Armazém tem como um dos pilares o conteúdo opinativo e, portanto, todas as opiniões são pautadas em observações realizadas pela autora da matéria.

Pedro Altério

“Eu vim pra clarear, pra esquecer tudo que faz pesar teu olhar. Te ver chorar só por alívio ou alegria” , a letra é do compositor Paulo Novaes, mas poderia ser do Pedro só pela verdade que ele passa cantando. Pedro Altério faz parte do projeto “Música dos dois” com o pianista Bruno Piazza. Mais do que sua voz impecável ou sua interpretação marcante, Pedro é o seu violão. Sua familiaridade e intimidade com o instrumento é tanta, que causa estranheza vê-lo cantando sem ele. O piano do Bruno faz o casamento perfeito. Pedro se entrega às canções, sejam suas ou composições de parceiros, e é tocante ver o envolvimento do artista com o que canta. É o tipo de beleza que você só encontra em quem ama muito aquilo que faz. E quem vai duvidar da história de amor de Pedro com seu violão?

Favorita da redação: ‘Paz interior’, ela personifica todo o efeito que o CD causa em quem está ouvindo. Mas ‘Logradouro’ é bem especial. E todas as outras.

Vinicius Calderoni

Calderoni lançou seu segundo álbum em 2013, “Para abrir os paladares”. Como já se nota pelo título, os disco quer aguçar sentidos. Arranjos elaborados e criativos transformam o ouvinte em cobaia de uma experiência multissensorial. O álbum tem cores, texturas, movimento. Não é fácil ouvir “Para abrir os paladares” pela primeira vez. É caótico e intenso. Não é um disco para ouvir de BG, é um disco para apreciar porção por porção. Questionador e cheio de divagações em tempos onde melodias fáceis e letras repetitivas imperam, Calderoni quebra completamente o ritmo, muda de melodia bruscamente, faz interferências inesperadas. Experimente ouvir “Ou não” (música que vem com outro arranjo na voz de Lenine no DVD 5 a Seco – Ao Vivo no Auditório Ibirapuera), ao final da música você tem a impressão de ter escutado um álbum inteiro. Falar de Calderoni é um pouco tendencioso para a redatora desse texto, já que ele é responsável pelo álbum favorito de todos os tempos da mentes caóticas, que finalmente encontraram voz nessa mistura inacreditável. É um alívio imenso pensar: “Ufa, finalmente alguém disse por mim”.

 Favorita da redação: Muda todos os dias e se começarmos a dissertar sobre a importância desse CD o assunto rende, mas hoje a escolhida é ‘Desprendimento’.

Leo Bianchini

Além do 5 a seco, o Leo participa do projeto_RISCO com os músicos Barão di Sarno e Léo Versolato (você viu a entrevista que o Armazém fez com ele? Não? Clique aqui! ) O RISCO é um laboratório. O objetivo é juntar a música com uma proposta multimídia com espaço para manifestações artísticas com imagens e performances. As canções trazem arranjos extremamente elaborados e as letras carregadas de figuras sintáticas e aliteração (ouça ‘Sinal’e entenda). O violão do Leo é onipresente e dita uma familiaridade em meio a tantas diferenças em relação ao 5 a seco. RISCO é um pouco samba, meio MPB e muita experimentação. Música para ouvidos exigentes.

 Favorita da redação:Tanto ‘Verter’ quanto ‘Sinal’ são impecáveis. ‘Sai daqui’ é um samba maravilhoso. Mas você precisa mesmo é ouvir ‘Língua’.

Pedro Viáfora

Pedro também lançou seu trabalho solo em 2013. “Feliz pra cachorro”, traz um pouco do que já conhecíamos pelo 5 a seco como ‘Feito nós’, ‘Gargalhadas’ e a faixa título. Mas os arranjos são diferentes e a sonoridade é outra. O álbum se destaca pela qualidade das composições de Viáfora que fala sobre música, amor, decepção e até mesmo sorte. Mas para entender, você precisa escutar duas músicas específicas: A primeira é ‘Nem terminou’ que conta com a participação do pai do músico, Celso Viáfora. Ouvimos essa canção ao vivo em um show na Fundação Ema Klabin, tarde de sábado, pôr do sol e a voz do Pedro ecoando: “Nem terminou, já to morrendo de saudade. O dia nem raiou, a vida nem veio chamar e a manha ainda nem acordou”, acho que não precisa explicar mais. A segunda é a nossa indicação pricipal –

 Favorita da redação: Assim como no caso do Calderoni, muda de um dia para o outro, mas ‘Amanhecendo’ é especial. Para falar da música do Pedro é preciso focar em suas letras e elas falam melhor do que nós ousamos tentar: “Conto pra mim que o fim tem hora, Ponto pra mim! Eu não, não chora. Enquanto o pranto vem”

Tó Brandileone

Impecável. Poderíamos encerrar o texto aqui. Recordo bem o dia em que ouvimos o disco pela primeira vez, aquele misto de ansiedade e temor que todo fã tem ao ouvir um trabalho novo de seu artista. Bobagem, afinal tem como esperar menos do Tó? “Ontem, hoje e amanhã” foi um álbum muito aguardado e a espera valeu a pena. A voz do Brandileone é tão bonita que às vezes causa espanto ao ver como transita por melodias e temáticas diferentes. “Ontem, hoje e amanhã” é um disco que define muito do que a (boa) música brasileira pode vir a ser, mas que o Tó já está passos à frente. Ele canta em inglês, canta em francês, mas tem um quê de “brasilidade” que é perceptível em todo o disco. Tó é um artista completo, e mais uma vez, o violão é coadjuvante de peso.

Favorita da redação: Todas? Não, não pode né? ‘Com que pé’ é a indicada.

 

E você, o que acha do trabalho solo dos meninos? Qual sua música favorita?

 

 

4 thoughts on “Especial 5 a Seco: Projetos individuais

  1. Meu preferido é incontestável: Pedrinho!
    Que enche meus olhos de alegria, me arranca sorrisos e tem o melhor abraço do mundo!
    Mas amo que amo cada um deles!

    Tina Chaves

    #5aseco
    #TinaChaves
    #PedroAlterio

    Liked by 1 person

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s