#1anodeArmazém / Abre Aspas / Especial HQ

Gustavo Borges: Pétalas de generosidade em quadrinho

Abre Aspas

*Por Beatriz Farias

Na era digital que tanto comentamos, nosso tempo está baseado na velocidade em que descemos a timeline do Facebook, olhamos um trilhão de posts por minutos mas quase nunca enxergamos alguma coisa. Esse costume fez-se diferente ao encontrar compartilhamentos da campanha de financiamento coletivo que Gustavo Borges está fazendo para lançar seu mais novo livro. O desenho saltou da tela e em processo mudo me fez clicar para descobrir do que se tratava, mais uma vez afirmando que a arte mesmo quando ausente de palavras nunca é silenciosa internamente. O enredo de “Pétalas” gira em torno da generosidade, não por acaso, o desenho de Gustavo é gentil ao olhos de quem se atenta a escutar com os sentimentos: é uma HQ sem falas como que reforçando a ideia de que nobreza independe de palavras, o desenho do menino tem movimento.

ARQUIVO_RUIM_capa_petalas

O jovem talento gaúcho que está indicado em 4 categorias do Troféu HQMIX 2015 (Publicação Independente de Autor, Web Quadrinhos, Novo Talento Roteirista e  Novo Talento Desenhista) tem apenas vinte anos. Já publicou a versão impressa de seus dois web quadrinhos (“A Entediante Vida de Morte Crens” e “Edgar: Em Busca da Energia dos Ventos” ) e agora se prepara para lançar via Catarse o já citado “Pétalas”, que conta com as cores de Cris Peter. Confira a entrevista que fizemos com o quadrinista Gustavo sobre seus projetos, financiamento coletivo e muito mais!

Armazém de Cultura: Um dos motivos pela qual “Pétalas” nos chamou a atenção, é por ser um quadrinho sem palavras. Como surgiu essa ideia? Como é “falar”, comunicar uma ideia sem o apoio dos balõezinhos?

GustaEu NOVOvo Borges: É isso mesmo! Ele é mudo! Mas ele tem uns 3 balões ao longo da história… Mas sem palavras. Contar a história sem palavras foi algo que eu me impus, pelo tema que decidi trabalhar. Como a HQ gira em torno de generosidade, o tema é retratado pelos personagens, e o sentimento por suas ações. Teve coisas bem complicadas, mas no fim, foi muito divertido fazer eles falaram sem dizer nada!

AC: Você está em campanha de financiamento coletivo pelo catarse e já ultrapassou muito a meta! Como está sendo essa experiência de contato mais direto com o público? Quais as principais vantagens e desvantagens em financiar coletivamente?

Gustavo: Está sendo incrível esse projeto, e sim, principalmente esse contato direto com o público é algo muito bacana. É lindo ver as pessoas comentando e apoiando. Recebo e-mails e mensagens, comentando, dando sugestões de coisas que eles querem ver, elogiando, então é muito legal, e claro para quem está apoiando tem o diferencial que recebe o livro na sua casa autografado pelos autores! E essa é uma das desvantagens do financiamento coletivo! Precisamos enviar tudo pelo correio depois. E no meu caso, já estamos em 650 apoiadores (até o fechamento dessa matéria o projeto já tinha alcançado 929 apoiadores)… Mas meu super time de secretários estão me ajudando a organizar tudo, e não haverá pânico na hora dos envios. (Agradeçam o capricho dos envelopes a dona Simone!).

AC: Como foi o trabalho com as cores da Cris Peter?gustavo e cris

Gustavo: Tem como comentar isso!? A Cris é uma profissional que dispensa apresentações. Ela simplesmente está dando uma das melhores cores que meus desenhos já viram. Sou suspeito pra falar porque sou o autor, mas tá maravilhoso!

AC: Uma das metas se refere a uma galeria de convidados para o livro, como é a sua relação com o trabalho desses artistas? Aliás, o que você tem acompanhado nesses últimos tempos e indica para quem já gostou do seu trabalho?

Gustavo: A galeria de arte com os artistas convidados, são na sua maioria artistas parceiros e amigos. E obviamente eu admiro muito o trabalho de cada um deles, recomento todos a dedo! São MUITO talentosos.

AC:  Poderia contar um pouco sobre seu início no quadrinho e outros projetos como “A Entediante Vida de Morte Crens” e “Edgar: Em Busca da Energia dos Ventos”?

Gustavo: Comecei meu projetos pelo querido amigo da vizinhança, Morte Crens, que são tiras postadas regularmente na internet. Foi a forma mais fácil que encontrei de produzir, concluir e ver evolução no meu trabalho de forma mais rápida. E eu adoro tiras, então foi (é) um trabalho viciante. Logo quando surgiu o projeto do Edgar, pensei em colocar ele numa plataforma que me exigiria uma atenção diferente, por isso ele é Web Comic, todas as páginas podem ser lidas sozinhas, mas ao todo é contado uma história (sem falar em toda a ciência que é inserida na hq!). E para ambas, obviamente o meu passo ambicioso foi lançar uma versão impressa, e felizmente Morte Crens esgotou em um ano, e já está ganhando seu segundo volume e uma reimpressão e Edgar recém lançado está indo muito bem. Este tem um volume #2 previsto para (2016). Desde que a menos de dois anos atrás comecei essa empreitada nos quadrinhos, muita coisa cresceu e mudou (melhorou), participei de muitos livros, lancei meus trabalhos… Eu tenho certeza que nasci pra desenhar e contar histórias.

Untitled design (2)

“A Entediante Vida de Morte Crens” e “Edgar: Em Busca da Energia dos Ventos”

AC: Mesmo jovem, você já está chamando atenção de nomes importantes no quadrinho nacional,  como Sidney Gusman, e também está indicado no HQ mix. O que está achando dessa repercussão ao seu trabalho? quais são os planos para o futuro?

Gustavo: É algo realmente maravilhoso. Trabalhar com a Cris Peter já era algo que eu não esperava que acontecesse em nem 5 anos! Estou muito empolgado com a resposta que venho recebendo pelo meu trabalho, e com certeza, a cada dia me esforçando mais pra responder de uma forma decente e a altura de todos esses elogios. Pro futuro? Guardem um lugar na estante, pois tem uma gaveta inteira de projetos nervosos pra ganhar vida aqui!

Add subtitle text

Ainda essa semana você confere diversos conteúdos especiais em comemoração ao aniversário do Armazém! Acompanhe no link.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s