#Oscar2019

EXTRA | Vingadores – Guerra Infinita: os heróis da Marvel lutam pelo prêmio de efeitos visuais

*Por Guilherme Guimarães

Copy of THE POST

Antes de “breve” sinopse, devo avisar a você, leitor, que mesmo com o meu coração pertencer por inteiro ao Batman, confesso que sou um pouco suspeito quando assunto se relaciona com a Marvel ou qualquer outro herói idealizado por Stan Lee, após essas considerações, vamos aos fatos.

Dois meses após o sucesso estrondoso de Pantera Negra, o MCU – Marvel Cinematic Universe entrega um dos filmes mais esperados de 2018, Vingadores: Guerra Infinita, o terceiro filme da franquia de grande bilheteria do mundo dos quadrinhos trás desta vez às telas um dos maiores antagonistas criados pela Marvel no universo dos Vingadores. Thanos (Josh Brolin, voz), o titã que anseia trazer “equilíbrio” ao universo por um preço extremamente alto, acabar com a metade dos seres vivos existentes, para realizar tal feito, Thanos planeja reunir as joias do infinito em sua manopla, assim com tamanho poder, o vilão poderia realizar o seu plano com um estalar de dedos. Com a vida não só da Terra, mas de todo o universo ameaçada, caberá aos Vingadores: Homem de Ferro (Robert Downey Jr), Capitão América (Chris Evans), Viúva Negra (Scarlet Johansson) e aos Guardiões da Galáxia: Gamora (Zoë Saldanã), Senhor das Estrelas (Chris Pratt) e etc. E entre outros heróis como: Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch), Homem Aranha (Tom Holland) e Pantera Negra (Chadwick Boseman), impedirem que Thanos alcance o seu objetivo.

#Oscar2019 – Confira a nossa resenha para os Melhores Filmes

Com um pouco mais de duas horas de duração o longa conseguiu prender seus espectadores nas cadeiras desde os primeiros minutos, fazendo com que o filme pareça durar quase metade do tempo descrito, cumprindo com êxito todas as expectativas: o filme possui muita ação do começo ao fim. O conflito inicial ocorre com Thanos, com a joia do Poder e com a ajuda de seus filhos extermina quase todas as pessoas de uma nave asgardiana, derrotando com facilidade Thor (Chris Hemsworth) e o mais forte dos Vingadores até então, Hulk (Mark Rufallo). Com a “ajuda” de Loki, o antagonista consegue a segunda Joia do Infinito, presente no Tesseract, dando a ele o poder do espaço. A terra é o próximo alvo do vilão, com duas da Joias do Infinito no domínio de dois heróis, a Joia do Tempo sendo incumbida ao Doutor Estranho, no Olho de Agamotto é o alvo de um dos filhos de Thanos que ataca Nova York atrás do artefato, sofrendo dificuldade com uma intensa luta com Stark e  Homem Aranha, ao fim alcança o seu objetivo capturando Doutor Estranho levando-o para a sua nave para tentar extrair a joia e dá-la ao titã.

Do outro lado do mundo, Feiticeira Escarlate (Elizabeth Olsen) com a Joia da Mente, que faz parte dos pensamentos e personalidade de Visão, batalham contra os filhos de Thanos, que são derrotados com a ajuda de Steve Rogers e Natasha Romanoff, a fim de evitar que a joia seja mais uma na manopla do infinito dirigem-se ao reino de Wakanda afim de extraírem a joia sem que a essência e a vida de Visão sejam arrancados, junto com a joia. Enquanto no espaço os Guardiões da Galáxia se surpreendem com Thanos já detendo a joia do realidade e sequestra Gamora, que é a única que possui conhecimento do paradeiro da Joia da Alma. Para extrair a informação de Gamora, Thanos tortura Nebulosa (Karen Gillan) na sua frente, em pouco tempo, por não aguentar ver sua amiga ser torturada em frente aos seus olhos, o paradeiro da joia é revelado, Volmir.

Enquanto Thanos dirige-se para o planeta, enquanto Homem de Ferro, Doutor Estranho, Homem Aranha e os outros Guardiões da Galáxia se dirigem para Titã para tentam traçar um plano para tirar a manopla de Thanos, dentre mais 14 milhões de possibilidades, só uma dá aos heróis de derrotarem o vilão. Em Volmir o preço a se pagar por ter a joia, sacrificar aquilo que mais ama, em uma das cenas, devo dizer mais agonizantes do filme, Gamora é o preco a se pagar pela joia, com Thanos jogando-a da beira de um precipício. Com a quarta joia em seu poder, o vilão, sem perder tempo, vai em direção a penúltima joia, indo para Titã, onde por uma intensa batalha, (com direito a direção de arte não economizando em efeitos especiais) é marcada por muita ação e tensão, dificilmente deixando o telespectador sequer piscar com medo de perder algum detalhe, ao final, da batalha com Thanos conseguindo a quinta joia do infinito, a do Tempo, entregue pelo próprio Doutor Estranho.

vingadores-guerra-infinita-3-800x400.png

Nesse ponto, já dá pra entender que a única possibilidade de derrotar o titã seria as custas de metade da vida no universo, enquanto Thor, junto com Rocket e Groot vão para Nidavellir, a forja dos anões, construir uma arma capaz de matar Thanos e devolver ao herói seus poderes totais, assim sendo forjado, quase custando a vida de Thor o machado, conhecido como Rompe-tormentas (Stormbreaker). No fundo com arma de grande poder, o filme da a leve esperança de que o Doutor Estranho tivesse errado a quantidade de possibilidades, ou que essa única possibilidade seria de Thor acabar com o vilão usando o poder de sua nova arma.

O personagem dirige-se a terra, especificamente a Wakanda, palco de uma das lutas mais intensas e senão a mais esperada do filme, novamente entregando um pouco de nostalgia para quem pode presenciar ao filme Pantera Negra (com nove indicações ao maior prêmio do cinema), trazendo personagens icônicos para a batalha, que assim como as outras do filme é marcada por grandes efeitos visuais, ação, tensão e um pouco de  suor frio  para os espectadores. Ainda mais com a incrível chegada de Thor, mostrando todo o poder do Rompe-Tormentas. Entretanto, mesmo tal arma e alguns dos heróis mais poderosos da Terra, não são o suficiente para derrotar Thanos, já empossado com cinco das seis joias do infinito. O espectador e surpreendido com o tamanho do poder e, ouso dizer, pouco explorado nos filmes, da Feiticeira Escarlate que com uma das mãos  segura o titã com a arma a arma mais poderosa do universo e com a outra destrói aquele que já a amou um dia, Visão, afim de evitar que a Joia da Mente fosse parar na manopla. Porém mesmo com a joia sendo destruída Thanos usa seu poder para recupera-la e Wanda novamente vê Visão morrer em frente aos seus olhos.

RESENHA | Pantera Negra: a realeza de Wakanda faz o mundo inteiro se dobrar a um personagem de HQ

Mesmo com o machado de Thor adentrado o seu peito, Thanos consegue atingir seu objetivo, num estalar de dedos metade da vida do universo simplesmente desaparece, com o público se despedindo, talvez em meio de lagrimas, de vários heróis. Assim a sequência do quarto filme da franquia, Vingadores – Ultimato (Avengers – Endgame), com data de estreia 26 de Abril, nos EUA, o filme promete tantas emoções como Guerra Infinita trouxe e traz também a heroína mais poderosa entre os Vingadores, a Capitã Marvel, que também tem um filme solo com data de estreia para o dia 8 de Março, nos EUA.

vingadores_guerra_infinita-5

Indicado ao Oscar de na categoria de “Melhores efeitos visuais” junto com demais filmes do MCU “Pantera Negra” e “ Homem Formiga e Vespa” o filme também concorre com um grande favorito nessa categoria “Han Solo: Uma História Star Wars”, a serie de filmes de roteirizadas  e criadas por George Lucas já é pioneira no que se diz em indicações ao Oscar, principalmente na categoria de efeitos especiais. Porém, não possui tantos prêmios, assim como a serie de filmes dos Vingadores já foi indicado anteriormente na categoria de melhores efeitos especiais e agora acumula duas indicações. É difícil prever, entre esses dois filmes, qual levará o prêmio, porém, acredito que Guerra Infinita possa ter uma leve vantagem, inovando completamente nos seus efeitos visuais e trazendo novidades as telas, assim como Pantera Negra. Enquanto Star Wars, apesar de possuir grande qualidade nos seus efeitos visuais, não trouxe tamanha novidade para quem acompanha a saga ao longo de sua história.

Em suma, Guerra Infinita surpreende a todos pelo desenrolar e desenvolvimento da história, com uma narrativa fluida e dinâmica surpreendeu e ultrapassou qualquer expectativa que eu tinha sobre o filme, assim a vitória de Vingadores 3, ou qualquer outro filme produzido pela Marvel promete ser um tributo a Stan Lee, idealizador de vários heróis que faleceu no final de 2018. Exelcior!

Confira o trailer:

 

FICHA TÉCNICA:

Avengers: Infinity War

Direção: Joe Russo, Anthony Russo

Elenco: Robert Downey Jr., Chris Hemsworth, Mark Ruffalo etc.

Nacionalidades: EUA

Duração: 2h 36min

COMO ASSISTIR:

Já é possível alugar o filme no NOW

 CATEGORIAS INDICADAS NO OSCAR 2019:

a4052de3-b4e5-4ab9-b7dd-e0c2677fe2f6


*Guilherme Guimarães

A mistura do café, música e sono são a definição do meu dia, estudante de fisioterapia e apaixonado por história da arte, danço sozinho no quarto, de funk ao pop, também apaixonado por dias frios, cozinhar, MPB e vinhos. Hora ou outra tenho a honra de escrever aqui ❤

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s