Susano Correia: Traços literais de beleza e incômodo
Abre Aspas

Susano Correia: Traços literais de beleza e incômodo

*Por Meiri Farias “Eu vou fazer turismo dentro do próprio organismo Eu vou me aventurar no meu centro, não posso fugir de mim, se só tenho saídas pra dentro”. Conversando com  Beatriz Farias sobre o trabalho do Susano Correia e o tipo de “incômodo” que ele proporciona, lembramos da canção “Inimaginável”, do Bernardo Bravo. A … Continue reading